Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

FUNAG apresenta a obra “A Terra e o seu Entorno – Uma história da Eslovênia”

A Fundação Alexandre de Gusmão (FUNAG) e a Embaixada da República da Eslovênia, com colaboração do Instituto Rio Branco (IRBr), realizaram, em 12 de junho, no auditório do IRBr, a apresentação dos livros “A Terra e o seu Entorno – Uma história da Eslovênia” , organizado por Oto Luthar, editado pela FUNAG, e “Zgodovina Brazilije – História do Brasil”, de Boris Fausto, traduzido para o esloveno por Barbara Juršič.

A cerimônia de lançamento contou com a presença do embaixador da Eslovênia no Brasil, Alain Brian Bergant, do diretor-geral adjunto do Instituto Rio Branco, ministro Sérgio Barreiros de Santana Azevedo, da Dra. Barbara Juršič, tradutora e colaboradora da Academia Eslovena de Ciências, e do diretor do Instituto de Pesquisa de Relações Internacionais (IPRI), ministro Paulo Roberto de Almeida.

Os livros resultaram do primeiro esforço de parceria da FUNAG com a Academia Eslovena de Ciências, cujo objetivo é estreitar a relação bilateral entre os dois países, bem como promover estudos e pesquisas em relações internacionais e em outras áreas de interesse para a política externa brasileira e a história diplomática do Brasil. Para iniciar o projeto de entendimento, a FUNAG publicou o livro organizado pelo historiador Oto Luthar, “A Terra e o seu Entorno – Uma história da Eslovênia”, em contrapartida, a Academia fez traduzir a obra “Zgodovina Brazilije – História do Brasil”, de autoria do conhecido historiador Boris Fausto, para o esloveno.

Dando início ao debate, o ministro Sérgio Azevedo destacou o lançamento dos livros e ressaltou a importância da parceria entre os dois países. Em seguida, o embaixador da Eslovênia no Brasil enfatizou o projeto piloto e apontou os pontos positivos da contribuição do desenvolvimento do potencial das realizações bilaterais. Além disso, comemorou os 25 anos das relações diplomáticas entre Brasil e Eslovênia e frisou que as coleções podem inspirar e servir de exemplos para outros países.

O diretor do IPRI relembrou a sua trajetória diplomática quando em missão na ex-Iugoslávia, quando conheceu a antiga república federada da Eslovênia, e ressaltou a importância do historiador Boris Fausto no trabalho de revisão historiográfica da história contemporânea do Brasil. A tradutora Barbara Juršič, por sua vez, apresentou resumidamente a trajetória histórica da Eslovênia, tal como no livro publicado pela FUNAG, e discorreu brevemente sobre seu trabalho de tradutora do “Zgodovina Brazilije – História do Brasil”.

O livro “A Terra e o seu Entorno: Uma História da Eslovênia” está disponível para download gratuito na biblioteca digital da Fundação.

Fotos: Toninho Araújo

registrado em:
Fim do conteúdo da página